O medo do mundo acabar, é algo que todos tememos. Isto é muito refletido em filmes que mostram o mundo acabando por invasões de extraterrestres, meteoros, terremotos, o núcleo parando, entre outras. Um tema pouco utilizado nesses filmes, talvez nunca utilizado, é o que aconteceria se um buraco negro se formasse dentro da Via Láctea.

Primeiramente, o que é um desses buracos? O buraco negro é formado quando uma estrela morre. Mas não pode ser qualquer estrela, e sim um enorme estrela que tenha várias vezes a massa do sol. Neste buraco, existe uma força tão grande por conta de sua densidade, que não deixa nada escapar ao chegar próximo dele, nem mesmo a luz. Assim o buraco atrairia tudo em sua volta e é ai que mora o problema de um buraco negro estar no meio de nossa galáxia.

buraco negro 1

 O primeiro grande problema seriam o corpos menores que ele atrairia. Imagina milhares de cometas que começariam ser puxados para o este tal buraco negro, e talvez alguns desses cometas poderia acertar a Terra e outros planetas.

Outro grande problema, é que o buraco é imperceptível e não conseguiríamos avistar ele nem mesmo com um telescópio. Então a única forma de saber se tem um buraco negro vindo em nossa direção, seria quando ele consumisse algum tipo e de gás e a partir desse gás, houvesse combustão.

buraco negro 2

Quanto mais ele chegasse próximo, ele iria atraindo vários planetas pequenos e se chegasse muito próximo a Terra, ela também seria consumida pelo “massa negra”. Outros planetas como por exemplo Júpiter, seriam mais difíceis e resistiriam bastante tempo até que finalmente, seriam totalmente consumidos pelo buraco negro.

Então se você está feliz com o que está vivendo hoje em dia, torça para um desses não comece a acabar com todo nosso sistema solar. O que achou dessa matéria sobre este grande mal que pode um dia acabar com todo o planeta? Você já tinha ouvido falar desse grande mal? Conta para gente nos comentários.

Anúncios